Stand-CNC-SESC-SENAC-Rio-20-13.jpg

Stand CNC Sesc Senac, Rio+20

standrio20-web.jpg Stand-CNC-SESC-SENAC-Rio-20-5.jpg cnc-sesc-senac.jpg Stand-CNC-SESC-SENAC-Rio-20-3.jpg Stand-CNC-SESC-SENAC-Rio-20-4.jpg montagem1.jpg Stand-CNC-SESC-SENAC-Rio-20-11.jpg Stand-CNC-SESC-SENAC-Rio-20-12.jpg Rio-20-Pier-Mauá-1.jpg Rio-20-Pier-Mauá-2.jpg

Rio+20, Pier Mauá

Rio+20

O Stand CNC-SESC-SENAC na Rio+20, Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, apresenta estas importantes instituições brasileiras de forma totalmente inovadora. Uma sala de exposição ecológica faz um convite à visitação e interação do público empregando materiais naturais e novas tecnologias, alinhadas com os modernos indicadores de sustentabilidade para construção de eventos: baixa emissão de carbono, utilização de recursos vegetais renováveis, redução no consumo de energia e mínimo impacto ambiental.

A estrutura é formada por um domo geodésico de bambu e tela representando o Borboletário do SESC Pantanal, estância ecológica da instituição, aqui utilizado para sala de reuniões, lounge e buffet. No centro, pórticos para comunicação visual de amplo alcance empregam teto revestido por bambus laminados que abrigam uma exposição, um ambiente para palestras, workshops, atividades de sensibilização ambiental, central multimídia e uma livraria da Editora SENAC.

Sob um espaço construído de 200 m², a Confederação Nacional do Comércio reforça sua missão de desenvolvimento social com responsabilidade ambiental, traduzindo o discurso em prática e utilizando o design como ferramenta de transformação social, desenvolvimento econômico e preservação ambiental, mostrando novos modelos sustentáveis de ação social e empresarial.

Feito artesanalmente do piso à iluminação, o Estande foi elaborado em detalhes para gerar ambientes de comunicação, contato, convivência e troca de experiências. Instalado durante os 12 dias da Rio+20 no Armazém 1 do Píer Mauá, Rio de Janeiro, ofereceu programação de qualidade e entretenimento para um público estimado de 50 mil pessoas.

Indicadores de Sustentabilidade:

ESTRUTURA: Utiliza bambus cultivados em florestas plantadas nos Estados de Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. É um material de construção renovável, resistente, de rápido crescimento e leve. A produção é local (dentro de raio de 400 km) com processos sadios para o ambiente e para os trabalhadores. Emprega rigorosa seleção do material in natura, cura, defumação e secagem dos colmos para a obtenção do aço vegetal. Residual zero: os segmentos de bambu são duráveis e reaproveitáveis. O piso utilizou madeira certificada e revestimento de MDF, reutilizados após o evento.

INSTALAÇÃO: Elementos construtivos pré-fabricados, instalados por técnicos especialistas, com pouco uso de maquinário elétrico no local. Montagem silenciosa de baixo residual, não gera poeira, totalmente desmontável e reutilizável. Emprega conexões de encaixe e amarrações para construção autoportante. Estrutura e infraestrutura completas + equipamentos com peso de 2 toneladas.

ENERGIA: Iluminação utilizando LEDS RGB com redução de 85% do consumo de energia em comparação com as lâmpadas incandescentes.

PROGRAMAÇÃO VISUAL: Outdoors e banners de PET reciclado impressos em estamparia digital de alta resolução. Revestimentos têxteis de algodão cru e algodão + PET reciclados.

RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL: Bambutec cultiva sítio de 12 hectares no Estado do Rio de Janeiro, destinado ao plantio experimental de bambus, árvores e palmeiras nativas, com nascentes d’água e floresta em recomposição através de técnicas agroecológicas de produção e manejo do solo.